Search
Close this search box.
P U B L I C I D A D E

FECAM participa de mobilização nacional pela desoneração da folha

Gestores municipais se reuniram em Brasília nesta terça e quarta-feira (9 e 10).
Desoneração impacta diretamente nas finanças dos municípios. | Foto: CNM/Divulgação

Redação PIXTV (Site)

10 de abril de 2024

atualizado às 15:15

O prefeito de Gaspar e vice-presidente da Federação dos Consórcios, Associações de Municípios e Municípios de Santa Catarina (FECAM), Kleber Wan-Dall, esteve em Brasília nesta terça e quarta-feira (9 e 10) para participar da mobilização nacional de prefeitos convocada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM). Os gestores municipais pressionam o governo por uma solução definitiva para a desoneração da folha de pagamentos, que impacta diretamente as finanças municipais.

Na noite de terça-feira, foi apresentada a proposta da Confederação Nacional de Municípios (CNM) para a desoneração da folha de pagamento ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). O presidente da entidade, Paulo Ziulkoski, destacou que a medida representa uma conquista de R$ 11 bilhões ao ano aos municípios. Ainda na terça-feira foi aprovado o pedido de urgência e a votação está prevista para ocorrer na próxima semana.

“Estamos mobilizados junto aos gestores municipais de todo o país na busca por soluções que garantam o desenvolvimento sustentável dos nossos municípios, e consequentemente a qualidade de vida dos catarinenses”, destaca Kleber Wan-Dall, que também é prefeito de Gaspar.

A mobilização teve início logo pela manhã na sede da CNM, de onde os prefeitos seguiram para agendas no Executivo, e com lideranças partidárias na Câmara e no Senado. Além da desoneração da folha de pagamentos, estarão também em pauta questões como a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 66/2013, que trata do parcelamento especial da previdência e precatórios; a ampliação da Reforma da Previdência, prevista na PEC 38/2023; as OS fora da despesa de pessoal (PLP 98/2023); e os debates em relação à regulamentação da Reforma Tributária.

A desoneração impacta diretamente nas finanças dos municípios. No dia 1º de abril, o presidente do Senado derrubou a medida provisória 1.202/2023 que revogava a desoneração da folha de pagamentos dos municípios. Com a decisão, ficou mantida a redução de alíquota de INSS de 20% para 8% para todos os municípios com até 156,2 mil habitantes. Em Santa Catarina, a medida atinge 285 municípios.

VEJA TAMBÉM:

DCIM101MEDIADJI_0579
Veja os shows nacionais da 24ª Quermesse de Garopaba (SC)
modelo siteYT (25)
Garopaba (SC): saiba os dias de cada atração da 24ª Quermesse
modelo siteYT (10)
Garopaba (SC): casal é preso por tráfico no bairro Campo Duna
maquinas-fantasmas-em-imbituba-944x531
Operação apura fraudes na Prefeitura de Imbituba (SC)
modelo siteYT (2)
Garopaba (SC) abre inscrições para Rainha da XXIV Quermesse
P U B L I C I D A D E
P U B L I C I D A D E
P U B L I C I D A D E